site para o consultório

6 motivos para você ter um site para o consultório odontológico


No meu cotidiano profissional, convivo com diversos colegas de profissão. Através das redes sociais, é possível se manter conectado com os colegas quase que diariamente, dependendo do caso. Em um grupo de 9 colegas, perguntei quem tinha um site para o consultório.

Para a minha surpresa, apenas um tinha um site para o consultório odontológico. Perguntei o motivo pelo qual de não possuir um site. As respostas foram diversas, mas todas situadas nas variáveis abaixo:

  • Custo;
  • Falta de familiaridade com o assunto (pode gerar dificuldades);
  • Necessidade de ter alguém do consultório para administrar o site;
  • Desinteresse pelo assunto.

A questão é: todos os motivos acima são mitos. E eu vou te provar isso e espero, sinceramente, que você pense e repense sobre esta necessidade. Vamos seguir a sequência acima:

Em relação aos custos, é possível criar um site até gratuitamente, embora requeira algum conhecimento no assunto (haverá um link sobre criação de um site/blog no final da postagem). Mas nada que algumas horas na internet não te ajudem nisso.

E, mesmo se você for pagar por isso, valerá MUITO a pena, ainda mais porque você pagará apenas UMA vez na construção do site e, depois, pagará a manutenção dele, que inclui aí a hospedagem (local onde as informações do site ficam armazenadas) e o domínio, que nada mais é do que o nome do site (meusite.com.br).

Fazendo uma analogia com especializações em odontologia, sabemos que uma especialização BARATA não sai por menos de R$ 1.200,00, incluindo material de consumo, e o tempo médio é de 18 meses.

Um site muito bom custa, em média, R$ 2.000,00. Ou seja, o investimento se equivale a menos de dois meses de uma especialização, concordas?

Outro ponto importante é que você já pode colher os frutos de um site para o consultório em poucas semanas, diferente de uma especialização, que pode durar meses para que você esteja apto a exercê-la nos pacientes.

Em relação às dificuldades em lidar com a criação de um site, pode realmente ser um impeditivo, principalmente se você não tiver tempo para estudar sobre o assunto. Neste caso, entra o que discuti acima: o custo x benefício vale muito a pena.

O último ponto é a questão de ter alguém para administrá-lo. Realmente, é necessário ter alguém para atualizá-lo, mas nada que você consiga fazer tranquilamente.

Uma a duas postagens ou atualizações por semana não te tomarão muito tempo, a não ser que você cresça a ponto de ter a necessidade de contratar alguém só para este fim, o que pode sugerir que você já esteja com ótimos resultados financeiros oriundos do seu site.

Vejamos a seguir 6 motivos para você ter um site para o consultório odontológico:

Quem não estiver presente na internet por meio deste recurso, perderá pacientes em médio e longo prazo

É fato que utilizamos a internet para quase tudo. Tirar dúvidas sobre algum assunto, lugar para viajar, para sair, até mesmo profissionais para resolver um determinado problema. Não entendeu o benefício disso? Vamos lá:

Imagine que, de 10 dentistas, apenas um tem um site. Imagine que um paciente está com alguma dúvida sobre um determinado assunto, como clareamento dental, por exemplo. Como de costume, ele vai procurar informações no google, o buscador mais usado na internet.

Você concorda que a chance do paciente escolher um dentista aumenta CONSIDERAVELMENTE quando ele possui um site? Isso é meio que lógico. Quem tem um site para o consultório já sai na frente.

É possível tirar dúvidas dos pacientes, criando assim um laço de confiança que pode resultar em uma consulta odontológica marcada

Em um mundo com muita informação disponível e de fácil acesso, é comum encontrarmos aberrações informações sem nenhum embasamento científico, isso sem falar de sugestões de tratamentos gratuitos que podem afetar drasticamente a saúde bucal do paciente.

Por exemplo, recentemente (janeiro/2017) saiu na mídia a notícia de uma mãe mostrando que a filha escovava os dentes com argila. Além de não ter NENHUM embasamento científico, por se tratar de uma pessoa que “forma” opinião, tal situação pode desencadear uma série de dúvidas na cabeça do paciente.

Se você tem um site, por exemplo, você poderia tirar as dúvidas dos pacientes em relação a este assunto com uma chamada assim, como fez minha colega de profissão e blogueira, Ana Tokus, do blog medo de dentista:

Argila serve para escovar os dentes?

Desta forma, ela atraiu a atenção de curiosos sobre o assunto e conseguiu, através de um excelente conteúdo, criar uma demanda de visitantes no seu blog, o que pode gerar mais pacientes.

O seu site trabalha para você full time

Imagine você ter um captador de pacientes automático trabalhando para você 7 dias por semana, 24 horas por dia? Parabéns, este é seu site. Recentemente, recebi um leitor adquiriu meu livro às 2 da manhã. Poderia ser também uma marcação de consulta, confere?

O que quero dizer é que, diferente da sua secretária, que trabalha 8 horas por dia e, após o término de sua jornada trabalhista, deixa de atender ligações de pacientes para marcação, seu site permite que haja contato em qualquer hora do dia.

E isso torna-se vantajoso, porque as ligações perdidas dificilmente são recuperadas, principalmente se o paciente for primeira vez.

Além disso, será possível divulgar informações sobre seu consultório, como:

  • Localização;
  • Se há estacionamento no local ou próximo;
  • Especialidades atendidas;
  • Formas e facilidades de pagamento oferecidas pelo consultório.
Através de um site para o consultório, será possível desenvolver um marketing odontológico muito mais eficiente e direcionado

Os sites hoje em dia permitem a colocação de fotos do seu consultório de uma maneira MUITO mais profissional e com um ótimo custo x benefício.

Além disso, com um site pronto, você pode, por exemplo, patrocinar seu consultório no google através de uma propaganda bem segmentada. É possível até direcionar a propaganda para uma rua ou uma avenida apenas.

Isso se falar que é possível também a criação de fluxo para seu site a partir das redes sociais, como o Instagram e o Facebook. É possível inclusive determinar o raio de alcance bem como seu público-alvo.

O dentista estará disponível ao paciente além do horário do consultório

Nem sempre o paciente encontra seu cartão de visita com seu fone e email de contato. Pode ter CERTEZA que a primeira coisa que ele vai fazer é procurar no google.

Se você tiver um site com um formulário de contato ou até mesmo com seu email, já vai ser uma verdadeira mão na roda para ele.

O consultório fica bem mais fortalecido no mercado odontológico

Poucos consultórios possuem esta porta de entrada para seus pacientes. Geralmente, grandes redes de clínicas ou franquias odontológicas apresentam sites com muita informação e uma captação de emails muito forte, o que faz com que se destaquem no mercado.

Um site bem estruturado, com muita informação e de fácil navegação colocará o dentista em um patamar próximos àqueles concorrentes que apresentam uma marca forte e muito recurso financeiro destinado ao marketing odontológico.


Há outros diversos motivos para você fazer um site para o consultório o mais breve possível, inclusive já discutidos aqui (link no final da postagem).

O que quero dizer, de maneira objetiva, é: ter um site, MUITO EM BREVE, será uma condição fundamental para você ter um consultório lucrativo em curto e médio prazo.

Hoje, como expliquei acima, representa um ótimo custo x benefício para seu consultório, principalmente pelas inúmeras vantagens que ele trará.

Leia mais:


Gostou da postagem?  Que bom! =)

Compartilhe com seus colegas de profissão. Acredite, se todos soubessem lidar com o mercado odontológico, estaríamos numa situação bem melhor. Então faça a sua parte!

Caso haja alguma dúvida, não hesite em perguntar abaixo! Mande sua dúvida que farei de tudo para te ajudar!

Grande abraço e até a próxima postagem!

Wilson Correia Jr.


Leave comment

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.