Marketing odontológico

→ Como fazer o marketing odontológico do seu consultório da forma correta.


Ainda é bastante incomum encontrarmos dentistas que investem no marketing odontológico (ou marketing em odontologia) em seu consultório. Além disso, quando investem, ocorre sem nenhuma constância ou da forma incorreta.

O fato é: nenhuma clínica vai sobreviver em médio e longo prazo sem o uso do marketing odontológico.

Talvez até sobreviva, porém com lucros pífios que vão, aos poucos, tirando o encanto do dentista na Odontologia. Muito em breve, escreverei outro livro sobre marketing em odontologia. Porém, enquanto ainda não sai, veja como você pode proceder. Mas Como fazer uso do marketing odontológico para alavancar meu consultório?

Não há receita de bolo para o marketing odontológico. Se pegarmos 100 consultórios, MUITO provavelmente teremos 100 planejamentos de marketing odontológico diferentes. Teremos alguns pontos iguais? Sim. Mas não será uma regra.

Que aspectos o dentista deve levar em conta na hora de realizar o marketing odontológico no seu consultório?

Qual o público-alvo do seu consultório?

Considero como ponto principal da construção do plano de marketing odontológico. Isso fica fácil de entender quando pensamos em um supermercado para a classe A e B e outro para as classes C e D.

Perceba que eles possuem um marketing completamente diferente e direcionado para seu público-alvo. Desde as cores até a disposição dos alimentos nas prateleiras de cada supermercado.

Se você não souber qual é seu público-alvo, sua estratégia de marketing odontológico com enorme chance vai fracassar.

Que tipo de paciente você quer no seu consultório?

Aqui basicamente será entre escolher convênios odontológicos e pacientes particulares. Vale ressaltar que o número maior de pacientes (aqui veja ATENDIMENTO) não quer dizer maior lucro, pelo contrário.

Isso pode ser ratificado com o atendimento aos convênios odontológicos, cujos valores pagos são muito baixos, o que faz com o que dentista tenha que trabalhar sob volume de atendimento para ter lucro. Deixe claro isso para nem perder tempo com ligações de pacientes que não sejam o foco da clínica

Qual a periodicidade do marketing odontológico do seu consultório

Como mencionei no início da postagem, não adianta muito você ter um bom plano de marketing odontológico se só faz uma ou duas vezes por ano.

O ideal é que haja uma frequência nas ações de marketing em Odontologia, independente de qual esteja sendo utilizada, e intensificação em épocas do ano onde há um estímulo maior ao consumo, como é a época de final de ano.

Quanto investirei no marketing odontológico do meu consultório?

É importante saber que o capital que será destinado ao marketing odontológico não é deverá ser considerado custo e sim investimento do consultório, uma vez que será dele que virão os pacientes do consultório.

O valor que será investido dependerá da ação. Por exemplo, investir em um outdoor terá um custo MUITO mais alto do que investir nas redes sociais.

Geralmente aconselho o dentista começar com um investimento pequeno (por volta de 5 a 10% do seu faturamento) e monitorar os resultados, justamente para corrigir eventuais falhas que possam ocorrer no processo de divulgação.

À medida que os resultados forem aumentando, será importante aumentar o capital que será destinado ao marketing odontológico.

O marketing em Odontologia não se resume apenas às ações extra consultório

Se de um lado há uma impactação do marketing em odontologia através das mídias online e off-line, há também o marketing no consultório propriamente dito. E nisso, temos:

  • Estrutura do consultório;
  • Atendimento ao cliente por parte de todos os integrantes;
  • Qualidade do serviço prestado;
  • Acompanhamento do cliente após a realização dos procedimentos;
  • Relacionamento pós consulta.

Esse deve ser o primeiro passo antes de iniciar as ações de marketing odontológico. De nada adianta trazer o paciente ao consultório se ele não vai sentir impactado a ponto de abrir a carteira e fechar o tratamento.

Marketing em Odontologia x Código de Ética Odontológica

Algo bastante preocupante nas divulgações realizadas por diversos dentistas é a quantidade grande de infrações éticas cometidas nas diversas mídias de divulgação. Algumas das infrações éticas mais comuns:

  • Divulgação de fotos antes e depois do tratamento;
  • Divulgar preços dos procedimentos nas propagandas odontológicas;
  • Divulgar formas de pagamento (cartões, cheques, dinheiro…);
  • Utilizar termos que caracterizem concorrência desleal e mercantilização da profissão (preços populares, descontos, tratamentos gratuitos, etc.);
  • Não colocar a inscrição do CRO nas divulgações;
  • Anunciar a atuação em mais de duas especialidades odontológicas;
  • Utilização de um nome fantasia sem inscrição no conselho.

Em caso de dúvida, leia o código de ética odontológica. Se, mesmo assim, ainda ficar na dúvida, entre em contato com o CRO do seu estado (via email, para ter documentado) e certifique-se que seu marketing odontológico está dentro dos padrões.


Comece a perceber que há um número MUITO grande de dentistas no mercado odontológico. Se todos fazem a mesma coisa, não haverá diferenciação entre eles, logo, o paciente QUASE SEMPRE vai escolher por preço.

Por isso que o marketing na Odontologia é tão importante. Através dele, os clientes começaram a enxergar VALOR no seu consultório, o que fatalmente te trará destaque no mercado odontológico.

Leia mais:


Gostou da postagem?  Que bom! =)

Compartilhe com seus colegas de profissão. Acredite, se todos soubessem lidar com o mercado odontológico, estaríamos numa situação bem melhor. Então faça a sua parte!

Caso haja alguma dúvida, não hesite em perguntar abaixo! Mande sua dúvida que farei de tudo para te ajudar!

Grande abraço e até a próxima postagem!

Wilson Correia Jr.

 


Share

Leave comment